Moto Guzzi Logo

Moto Guzzi Logo

A Moto Guzzi é uma lendária fabricante de motocicletas. Originou-se com base na Società Anonima Moto Guzzi, criada em 1921 pelo herdeiro dos armadores Giorgio Parodi, seu irmão Angelo e o mecânico Carlo Guzzi. Em 1946, após reformulação da marca, a empresa passou a se chamar Moto Guzzi SpA. Atualmente é propriedade da Piaggio & CSpA, e sua sede, como há cem anos, está localizada em Mandello del Lario.

Significado e história

Moto Guzzi Logo Historia

Durante a Primeira Guerra Mundial, dois pilotos e seus mecânicos tiveram uma ideia interessante: decidiram se unir para criar uma empresa de motocicletas. Estava previsto que um deles (o motociclista Giovanni Ravelli) testaria e publicitaria os veículos, o segundo (Giorgio Parodi) financiaria a empresa e o terceiro (Carlo Guzzi) cuidaria do processo de produção. Mas Ravelli morreu em um acidente de avião nos últimos dias de combate. Assim, a inseparável trindade, que se tornou próxima, apesar da diferença de status social, ficou sem um motociclista. Em sua memória, Moto Guzzi usa o logotipo da águia.

1921 – 1924

O primeiro modelo experimental da motocicleta foi colocado à venda em 1921. Seu tanque era decorado com um emblema em forma de diamante com a inscrição “GP”. Essas eram as letras iniciais dos nomes Carlo Guzzi e Giorgio Parodi.

1924 – 1957

Os donos da empresa decidiram não nomear suas motocicletas como “GP” para evitar confusão com as iniciais Giorgio Parodi. O próprio Giorgio insistia nisso. Ele também sugeriu usar a versão completa do sobrenome Guzzi. Como resultado, a marca passou a se chamar Moto Guzzi e recebeu um novo logotipo. O nome, como antes, consistia em letras pretas sans serif. Uma águia orgulhosa abriu suas asas sobre a inscrição – uma homenagem à memória do piloto falecido Giovanni Ravelli.

1957 – 1958

Em 1957, a frase “MOTO GUZZI” foi transferida para uma engrenagem com dentes retangulares: a primeira palavra estava no topo e a segunda na parte inferior. A águia mudou-se para o centro.

1958 – 1976

O emblema, que surgiu em 1958, recebeu o apelido de Del Gambalunga devido ao seu formato alongado característico. O pássaro e as letras foram mantidos, mas a águia se transformou em uma longa e fina faixa preta, e o nome da empresa ocupou seu lugar no canto inferior direito. Havia rumores de que o símbolo estava associado ao fascismo, embora na realidade fosse apenas um projeto ruim.

1976 – 1994

Após outro redesenho, a águia ganhou uma forma mais clara. As letras ficaram maiores e o espaçamento entre as letras é muito menor. Até 1994, o logotipo era dominado pelo branco, o preto era usado apenas para contornos.

1994 – 2007

Em 1994, os designers detalharam o pássaro, retratando penas, pernas e cabeça em detalhes. A distância entre os personagens aumentou, o que torna a inscrição legível. Todos os elementos permaneceram no lugar, mas foram repintados de amarelo e colocados dentro de um oval vermelho com uma borda amarela.

2007 – presente

A agência gráfica Metalli Lindberg trouxe de volta a versão em preto e branco e removeu a borda elíptica.

A águia é uma homenagem ao piloto militar Giovanni Ravelli, que se tornaria um dos cofundadores da empresa. Além disso, o pássaro orgulhoso simboliza a liberdade e está associado às motocicletas Moto Guzzi, porque os nomes dos modelos de uma forma ou de outra tocam no tema do vôo: Condor, Airone, Astore, Falcone.

Fonte e cores do logotipo

Obviamente, o negrito sans serif foi criado especificamente para o logotipo. É vagamente semelhante ao Bernhard Fashion BT (exceto pela letra “G”). A fonte lembra Gotham Bold, Futura Bold ou Gill Sans Bold, embora a correspondência não seja exata. Um “M” maiúsculo semelhante aparece nas fontes Neutra Face e Verlag.

Existem apenas duas cores na paleta principal: preto e branco. É um clássico do design que caracteriza a Moto Guzzi desde 1921.